quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

I'm Yours.


Eu passei muito tempo olhando minha língua no espelho e fazendo de tudo para poder entender melhor; meu hálito embaçou todo o vidro, então eu desenhei um rosto feliz e ri. Acho que o que estou dizendo é que não há razão. Melhor se livrar da vaidade e apenas ir com o ritmo. É o que esperamos fazer. Nosso nome é nossa virtude. Não há necessidade de complicar.